BibliotecaDocumentosNotícias

Contribuições das atividades físicas de aventura para o ambiente

O potencial das atividades físicas de aventura na natureza: as contribuições para o meio ambiente

Alcides Vieira Costa, Alberto Reinaldo Reppold Filho

O desenvolvimento das Atividades Físicas de Aventura na Natureza (AFAN) é um tema que vem sendo discutido e estudado há muitos anos em diversos setores da sociedade. Segundo Straker (2014), na Nova Zelândia, há mais de 150 anos são estudas questões ligadas às AFAN. Uma das abordagens ao tema é a que se refere à necessidade de análise das contribuições que estas atividades trazem aos praticantes, à sociedade, às comunidades locais, à economia, ao turismo e ao meio ambiente.

Segundo Costa (2006), as contribuições ligadas à realização das AFAN são diversas e de grande importância. Tem-se como exemplo: a revitalização demográfica, económica e social de zonas rurais; a possibilidade de se viver intensamente o tempo livre; o retorno à natureza associado à consciencialização sobre o problema da degradação ambiental; e a viabilização de relações sociais gratificantes.

Entretanto, existem impactos ambientais negativos preocupantes, já que algumas AFAN podem degradar o meio ambiente sem o controle dos entes oficiais ou dos responsáveis pelas atividades (Willis (2002), Marshall (2003) e Machado (2005)).

Ciente desta questão, surge necessidade de estabelecer as contribuições das AFAN para o meio ambiente.

Objetivo: Estabelecer as contribuições das atividades físicas de aventura na natureza para o meio ambiente.

Link para o artigo

 

E-Balonmano.com: Revista de Ciencias del Deporte
Mail: ebm.recide@gmail.com
ISSN: 1885 – 7019 / Periodicidad Cuatrimestral